NOTÍCIAS

05/12/2019

João César Mattogrosso integra pautas de combate ao machismo, prevenção às drogas, proibição de radar móvel e diagnóstico do daltonismo



Aprovados pelos vereadores na 78ª Sessão Ordinária, realizada nesta quinta-feira (5) na Casa de Leis, projetos de destaque são assinados em coautoria pelo vereador João César Mattogrosso (PSDB). Com abordagem de alta relevância, as propostas que contam com assinatura do parlamentar dão luz a temas relacionados a educação, como o combate ao machismo e prevenção às drogas, proibição de radar móvel e saúde dos alunos da Rede Municipal de Ensino (REME) por meio da realização do teste que promove o diagnóstico do daltonismo.

Em segunda discussão e votação, o Projeto de Lei n. 9.391/19, matéria em que assina com o vereador Prof. João Rocha (PSDB), estabelece diretrizes para ações voltadas ao combate ao machismo e à promoção da valorização da mulher nas escolas municipais de Campo Grande. “Diante dos alarmantes índices de violência contra às mulheres, indiscutivelmente este projeto é mais do que essencial na formação dos nossos jovens, para construirmos um futuro com mais consciência e respeito. Educação é e sempre será o melhor caminho”, destaca João César Mattogrosso.

Na mesma esteira da educação, o vereador integra, junto com os vereadores Gilmar da Cruz (Republicanos), Odilon de Oliveira (PDT) e Pastor Jeremias Flores (Avante), o Projeto de Lei n. 9.451/19, que autoriza o Executivo Municipal a adotar o Programa de Prevenção às Drogas “ESPORTE SIM, DROGAS NÃO”. Após aprovação em segunda discussão e votação a matéria seguiu para sanção do Executivo.

Além disso, em regime de urgência, foi colocado em votação o Projeto n. 9.482/19, que estabelece a proibição da fiscalização por meio de medidores de velocidade móvel ou portátil – radar móvel - em Campo Grande. João César Mattogrosso assina junto com os vereadores Antônio Cruz (PSDB), André Salineiro (PSDB), Betinho (Republicanos), Delegado Welington (PSDB), Pr. Jeremias Flores (Avante), Dr. Lívio (PSDB), Dr. Wilson Sami (PMDB), Enfermeira Cida (PROS), Junior Longo (PSB), Valdir Gomes (PP) e William Maksoud (PMN). Após aprovação por unanimidade entre os vereadores, a matéria também foi ao Executivo, para sanção.

Já o Projeto de Lei n. 9.489/19, que dispõe sobre a realização do teste de cores “Ishihara”, visando o diagnóstico do daltonismo nos alunos da Rede Municipal de Ensino de Campo Grande, foi aprovado em primeira discussão e votação. A matéria, que o parlamentar integra junto com o vereador Cazuza (PP), continua em tramitação na Casa de Leis e aguarda segunda discussão e votação.

Coautor das proposições, o vereador João César Mattogrosso enfatiza que o Poder Legislativo cumpre com seu papel de apresentar pautas relevantes e que são agentes de transformação, em prol de uma Capital melhor para todos. “É uma grande satisfação estar nesta Casa de Leis e fazer parte de encaminhamentos tão significativos, que transformam o cenário educacional desde exames preventivos que asseguram a saúde dos alunos ao combate ao machismo e às drogas, temas tão presentes em nosso cotidiano. De igual modo, trazemos luz ao direito dos cidadãos ao buscar a extinção dos radares móveis/portáteis”, enaltece o parlamentar.

 
VOLTAR